Notícias: Alimentação infantil


Sempre que os pais introduzem a alimentação nos bebês, fica aquela dúvida? O que pode comer? A partir de quantos meses pode comer isso ou aquilo? E açúcar? Pode?

Após os seis meses de vida, começam-se a formar os hábitos alimentares das crianças.

Nesta fase, a criança deve ter acesso a uma variedade de alimentos para sentir diferentes tipos de sabores e texturas. Mas, vá devagar. O ideal é começar com um alimento por vez, para que a criança possa saber identificá-lo depois.

As mães costumam ser muito ansiosas em relação à alimentação das crianças, e isso pode ser um problema na fase da introdução alimentar. O que fazer? Não obrigue e nem faça chantagem na hora das refeições. Além disso, se os pais são o exemplo, seguindo uma alimentação saudável, rica em frutas, verduras, legumes, já é meio caminho andado.

Para que seu filho se alimente adequadamente, seguindo um horário controlado e um cardápio equilibrado, é preciso bastante paciência. As refeições devem transmitir uma sensação agradável e relaxante, não um momento frustrante de obrigação. 

Na verdade, é bem mais simples do que parece. As crianças precisam consumir principalmente alimentos ricos em proteínas e cálcio, já que ajudam no crescimento saudável, como carnes, peixes, ovos, feijão, açaí, leite, queijo, manteiga, sardinha, espinafre, entre outros.

Mas, além do consumo de proteínas e cálcio, toda criança precisa comer vários tipos de frutas todos os dias. Isso porque elas contêm muita água, fibras, vitaminas, sais minerais, frutose, carboidratos, gorduras e proteínas. É fundamental  também introduzir o hábito de tomar água, sem esperar ter sede, como fonte de hidratação mesmo.







Compartilhe





Coloque seu e-mail para receber nossa newsletter

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS